Leão de Nemeia

Herakles and the Nemean Lion. Attic white-ground black-figured oinochoe, ca. 520-500 BC. From Vulci

Héracles e o Leão de Nemeia, vaso ático ~520-500 a.C

Leão enorme e aterrorizante que viva nas florestas de Nemeia, nome de uma cidade e de um bosque na Argólida e foi o cenário do primeiro trabalho de Héracles. Seu tamanho era inacreditável, seus rugidos eram tão estrondosos quantos os raios de Zeus, sua força equivalia à força de dez leões comuns e sua pele era tão dura que nenhuma flecha, lança ou espada, por mais afiada que fosse, podia perfurá-la. O animal era filho de Tífon, o monstro que lutara contra o próprio Zeus, e da igualmente temível, Equidna, metade mulher, metade serpente. Esse leão possuía irmãos célebres e terríveis: Hidra de Lerna, Cérbero, Quimera, a Esfinge de Tebas e outros monstros horrendos, temidos até pelos deuses.

Criado pela deusa Hera ou à mesma emprestado pela deusa-Lua “Selene”, para provar Héracles, era uma temeridade dar-lhe caça. O monstro passava parte do dia escondido num bosque, perto de Nemeia. Quando deixava os esconderijo, o fazia para devastar toda a região, devorando-lhe os habitantes e os rebanhos. Entocado numa caverna, com duas saídas, era quase impossível aproximar-se dele.

Héracles atacou-o a flechadas, mas em Mighty_Herculesvão, pois o couro do leão era impenetrável. Astutamente, fechando uma das saídas, o filho de Alcmena o tonteou a golpes de clava e, agarrando-o com seus braços forte, o sufocou. Com o couro da criatura o herói cobriu os próprios ombros.

Referências:

BRANDÃO, J. S. Dicionário mítico-etimológico v.1. Petrópolis: Vozes, 2008.

STEPHANIDES, M. Hércules. Trad. MICHAEL, M. P. São Paulo: Odysseus, 2005.

Anúncios
Categorias: Criaturas, Outros | Tags: , , , , , , | Deixe um comentário

Navegação de Posts

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Crie um website ou blog gratuito no WordPress.com.

Pensamentos Flutuantes

Entre devaneios e realidade, ideias ascendentes

%d blogueiros gostam disto: